Qual o som do baixo?

Qual o som do baixo? Nosso colunista Léo Xavier nos conta os segredos por trás dos grooves

Apesar de todos nós ouvirmos músicas diariamente, constantemente e muitas vezes initerruptamente, muitos tem a dificuldade em distinguir os diversos timbres que compõe aquela massa sonora que chamamos de: música.

Essa funcionalidade do cérebro não é uma variável excepcional de quem estuda música, mas sim um treino contínuo que imperceptivelmente fazemos constantemente, pois, ao aprendermos o timbre de cada instrumento, dificilmente os confundiremos novamente. 

Então me diga, Passarinho, que som é esse? Qual o som do Baixo? O Baixo é o representante dos sons graves dentro da linha dos instrumentos de corda. Então, por exemplo, pegando uma formação clássica de banda (1 guitarra, 1 baixo, 1 bateria e 1 vocalista), como Queen e Led Zeppelin, podemos falar que o Baixo seria aquele som grave e melódico que ouvimos nas músicas.

clique aqui

estude contrabaixo na escola de

Aprenda assuntos e técnicas como
Slap, Tapping, Escalas, Ghost Notes, Pizzicato, Modos Gregos, Tétrades e muito mais. Comece agora por apenas R$29,90 e bons estudos!

Falando em Queen, um bom exemplo seria em “Another Ones Bites the Dust” (The Game, 1980) que tem os 10 primeiros segundos somente de Baixo, que fica repetindo o riff principal junto ao groove de Bateria.

Fisicamente falando

Consideramos grave  para audição humana as ondas que tem frequências abaixo de 300 hz, e o som do grave do baixo está na faixa dos 20 a 200 Hz; isso que dá o que chamamos de peso. O tamanho de onda em relação ao da guitarra, por exemplo, é muito mais robusto e encorpado. Em geral o contrabaixo pode alcançar graves de 20 hz até agudos de 9 Khz (responsáveis pelo chamado “brilho”).

Qual o som do baixo? Ondas de frequência representando as ondas sonoras de guitarra e baixo.

Agora, “musicalmente” falando

Em termos de notas, o Baixo possui o alcance de graves maior que o da guitarra pois suas cordas são afinadas uma 8ª abaixo. Ou seja, as 4 cordas que o Contrabaixo tem, E A D G (Mi, Lá, Ré e Sol), são as mesmas 4 cordas mais graves (ou grossas) de uma guitarra ou violão, só que afinadas uma 8ª abaixo.

Após essas informações físicas e musicais

Alguns devem estar se perguntado como nunca ouviram o som do Baixo na música. A verdade é que vocês ouviram, vocês sempre ouviram e apenas não o reconheciam.

Segundo um estudo da PNAS (Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos) “[…]tempo superior de percepção para tonalidades mais graves explica por que instrumentos com as características do baixo determinam ritmos musicais.”, ou seja, você sempre sentiu ele em todas as músicas, só não deu um nome para essa percepção. Importante lembrar que, assim como na guitarra o baixo tem uma faixa de frequência em que costuma atuar, mas pode ter timbres diferentes que variam de acordo com o instrumento, a técnica, o equipamento, dentre outras variáveis.

O som do baixo em “Sweet Child o’ Mine”, da banda americana Guns n’ Roses, não
possui o mesmo timbre que o timbre de baixo ouvido em  “Billie Jean” de Michael Jackson, mas os dois com certeza atuam na mesma frequência.

O mesmo estudo da PNAS ainda diz que “A superioridade dos sons graves para codificar a marcação do tempo explica a prática comum de utilizar o baixo para carregar o ritmo e complementa os efeitos superiores de sons agudos na afinação e melodia”, ou seja, provavelmente o que te fez dançar e sacudir a vida toda não foi a guitarra ou o violão, e sim o swing do baixo.

Curtiu? Tem algo para complementar? Deixa aqui nos comentário! E fique por dentro do que rola aqui no blog para ampliar seus conhecimentos no baixo.

E se quiser ter uma experiência de aprendizado musical totalmente gratuita, acesse o Planeta Música Free para ter acesso a diferentes cursos de música online e videoaulas feitas para você aprender música de verdade.

Tudo pronto para começar? Clique e acesse, e bons estudos!

Cadastre-se grátis

Acesse grátis o Masterclass

Uma aula que vai te ensinar a tocar bem mesmo sem ter tempo ou facilidade. Aproveite, é totalmente gratuito.

Léo Xavier

Baixista há mais de 10 ativos na noite, professor de Baixo no Conservatório Ever Dream, Técnico de Palco de bandas como Strike e Gabriel Elias.